Yes Wedding

O site YW está em manutenção por conta da nova versão e em breve o login estará normalizado. Obrigada pela compreensão

  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • Pinterest
O Yes Wedding tem o maior prazer em receber suas sugestões, opiniões e comentários. Quanto as dúvidas individuais, conforme formos recebendo, tentaremos transformá-las em pautas de matérias futuras. Obrigada e volte sempre!

Contato

contato@yeswedding.com.br
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • Pinterest

Antena Yes

11 tradições de casamento pelo mundo

16/11/2019

  • Fotos: Reprodução
    Cores e muitos trajes nos casamentos nigerianos
  • Na Áustria, fogos de artifício pra acorda a noiva. Vai entender, né?
  • Cúrcuma para clarear a pele das noivas indianas
  • Noivos e pais tomam muito saquê no Japão

   Pois é, volta e meia, quando falamos de casamento o assunto tradições acaba surgindo. Não apenas aqui no Brasil, mas em diversas partes do mundo, alguns antigos costumes desse grande dia têm sido modificados ou, até mesmo deixados de lado.

   Mas, ainda existem aquelas que nunca são esquecidas e que as noivas fazem questão de repetir no seu grande dia. Em alguns países essas antigas tradições são tratadas como ‘leis’ tamanha sua importância cultural.

   Bom, para matar a curiosidade de quem sempre se perguntou como são os casamentos em outros países, segue uma listinha com 11 costumes de casamento pelo mundo.

   Nigéria: troca de trajes
   Se tem uma coisa que as noivas nigerianas realmente fazem é trocar de roupa. Como acontecem diversas cerimônias, para cada uma é confeccionado um traje diferente e especial, sempre com algo relacionado aos antepassados. Além disso, tudo é feito com tecidos artesanais com símbolos representando a família da noiva, do noivo e de ambos entrelaçados. Ah, e se for convidado para um casamento nigeriano fique atento à sua vestimenta, pois todos devem seguir o código de cores informado pelo casal.

   Áustria: fogos de artifício
   Nas regiões de Salzkammergut, Tirol e Estíria é costume acordar a noiva no dia com um tiro ou fogos de artifício (sério?!). Segundo contam, isso seria feito para assustar os maus espíritos.

   Japão: cerimônia do saquê
   Chamada de san san kudo, é uma das mais antigas tradições de casamento do Japão. Nela, ao invés da troca de votos, o casal e seus pais bebem saquê em três tigelas de tamanhos diferentes, dando três goles em cada. Cada rodada tem um significado: a primeira a aliança entre as famílias; a segunda o ódio, a paixão e a ignorância; e a terceira a libertação dos pecados. Além disso, eles acreditam que o três é um número de sorte e os nove goles trazem felicidade tripla ao casal.

   Tunísia: tatuagem de henna
   Nos seis dias anteriores ao SIM, o casal passa por diversos rituais e cerimônia. Em um deles, a noiva tem suas mãos e pés pintados com henna em padrões de flores e borboletas. No dia seguinte, os desenhos são feitos novamente, enquanto são tocadas as músicas tradicionais da ocasião.

   Rússia: o ‘sequestro’ da noiva
   Em algumas regiões do país, a noiva sofre um ‘sequestro’ por parte dos seus pais. Para resgatar sua amada, o noivo deve cumprir uma série de desafios e assim provar seu amor por ela. Se ele não conseguir cumprir os desafios, deve pagar o resgate, algo feito em forma de flores, chocolates, bebidas ou dinheiro.

   Itália: dia certo para casar
   Entre os italianos ainda existe a superstição de que alguns dias devem ser evitados no momento de escolher a data de casamento. A terça-feira, por exemplo, é dedicada ao deus da guerra, enquanto a sexta seria o dia em que espíritos malignos foram criados. Além disso, os meses de maio e agosto, assim como o período antes do Natal e a Quaresmo, também não são bons.

   México: cordão de flores
   No México, logo após os votos de casamento, os padrinhos passam um longo cordão de flores ou pérolas pelos ombros dos noivos. Aqui vale uma ressalva: nada de escolher solteiros para seu time de padrinhos, o posto deve ser ocupado por casais por conta da sua experiência e sucesso na vida a dois.

   China: o choro da noiva
   Entre o povo Tujia, na China, é tradição que a noiva chore como forma de simbolizar sua tristeza por sair de casa e a gratidão aos seus pais. Em alguns casos, o choro começa um mês antes do casamento e conta com a ajuda da mãe, avó, irmãs e tias da bride.

   Índia: Ritual da Cúrcuma
   Pouco antes do grande dia, as noivas de Bangladesh e da Bengala Ocidental participam de um ritual que consiste em aplicar uma pasta de açafrão no seu corpo e rosto. Conhecida por suas propriedades anti-inflamatórias e anti-envelhecimento, o açafrão tem como função clarear a pele da noiva.

   Reino Unido: as cinco coisas
   Essa praticamente todo mundo conhece, pelo menos em partes. Guiada pelo verso ‘something old, something new, something borrowed, something blue, and a silver sixpence on the shoe’, a tradição consiste na noiva carregando cada uma dessas coisas que simbolizam alegria, futuro radiante e próspero, além de abençoar os futuros filhos do casal.

   Brasil: nome na barra do vestido
   Para fechar, uma tradição verde e amarela! Por aqui é comum as noivas colocaram o nome das amigas solteiras na barra do vestido para garantir a elas sorte no amor e que encontrem seus príncipes.

   Gostou? Confira AQUI e AQUI outras tradições que acontecem ao redor do mundo!
 

Você também
pode gostar de...

Antena Yes

Dicas para o presente...

Não sabemos vocês, mas aqui no...

Materia

O penteado de noiva...

Ah, as celebridades. Sempre que uma...

Antena Yes

Cláudia Raia e Jarbas...

Celebrando seu primeiro ano de casados,...